Arquivo

Archive for the ‘Vídeos/Filmes’ Category

Sobre a matéria sensacionalista contra POMBOS veiculada em telejornal

Mais uma vez, temos matérias sensacionalistas feitas por jornalistas mal intencionados que visam apenas aumentar a audiência dos telejornais. Passam informações erradas que prejudicam animais e emburrecem a população.

Abaixo, na íntegra, o desabafo do blog “O Grito do Bicho“:

“POMBOS OCUPAM JORNALISTAS QUE NÃO TEM PAUTA DECENTE PARA APRESENTAR AO CHEFE!!!!

Eu não disse? quando um abre a boca, vem o bando repetir as besteiras. Os jornalistas fazem a matéria dando a impressão que algum profissional falou o que eles “informam”. Mas, observem que o diretor do CCZ, Dr. Fernando, não falou nada de mais. Explicou, apenas, que os fios de naylon criam dificuldades para o pombo pousar. Fato real. Nada demais.

Gente, mais do que ninguém, estou metida com pombos há milenios (tenho um pombal em casa com 22 indivíduos mancos, cegos e sem asa) e temos que reconhecer que pombo é muito esperto e, pela sobrevivência, faz coisas que até Deus duvida. Há um mês, tive que telar toda frente da minha casa, porque os bonitões entravam até na cozinha. As gatas elouqueciam e saiam voando e quebrando tudo, inclusive minha TV… É mole?

Agora, ficar dizendo estas palhaçadas de doenças e criando um terrorismo absurdo, fico revoltada. Pena que sou sozinha p´ra tudo aqui em casa e na ONG. Não consigo fazer as coisas do jeito que gostaria. Mas, vou achar um tempinho e montar um dossier para ser usado por algum protetor que queira se dedicar a desmistificar esta questão do pombo. Ele incomoda sim pelo cocô que é altamente corrosivo para carro, mas, daí a dizer que, pela simples convivência são capazes de provocar doenças, é demais!!!! me poupe!!!!

Praga é a humana que destroi o planeta sem cerimonia nenhuma… tô errada? Veja a matéria do Bom dia Brasil do dia 04/07/11

Anúncios

Documentarista de “Restrepo” morre em conflito na Líbia

A notícia foi dada via Twitter pelo fotojornalista brasileiro André Liohn, que também se encontra na cidade líbia. Um representante da agência Panos Pictures, para a qual Hetherington trabalha, afirmou que a notícia “está sendo veiculada, mas ainda não sabemos dos detalhes”.

Hetherington (D) com Sebastian Junger no Afeganistão durante as filmagens do documentário Foto:Europa Filmes / Divulgação

Nesta terça, o fotojornalista escreveu em sua própria página no Twitter: “Estou na cidade líbia sob ataque de Misrata. Bombardeios indiscriminados por parte das forças de Kadafi. Nenhum sinal da Otan”.

Liohn não revelou mais detalhes sobre a morte, apenas que eles estavam no front de batalha. Pouco depois de comunicar que Hetherington havia morrido, o brasileiro também confirmou a morte do fotógrafo Chris Hondros, da agência Getty Images.

Hetherington codirigiu “Restrepo” junto com Sebastian Junger. O filme documenta um ano em uma base de guerra no Afeganistão, considerada o “lugar mais mortal do mundo” e batizada de Restrepo em homenagem ao soldado Juan Sebastián Restrepo, morto em combate. O documentário foi premiado no Festival de Sundance e recebeu uma indicação ao Oscar 2011.

Assista ao trailer de “Restrepo”:

Aprenda a ser ecologicamente correto com Puglet, um green-cão

Green Pug, um ativista que ensina ecologia:

Idéias loucas & Autorização para atropelamento

Idéias enviadas por leitores para enfrentar um Golf preto:

Brincadeiras à parte, o blog do Massa Crítica passou a ser alvo de mensagens agressivas depois do atropelamento. Na maioria delas, as pessoas dizem que os ciclistas deveriam ter morrido.

Para Marcelo Kalil, um dos integrantes do grupo, as ofensas publicadas no blog do Massa Crítica são uma ameaça aos ciclistas. “Eu considero uma ameaça a todos os ciclistas. O meu medo é que essas pessoas possuam carteira de habilitação e saiam dirigindo por aí. Somos ameaçados diariamente”, diz.

Esse é um assunto sério e deve ser conduzido como tal. O advogado de Ricardo José Neis, responsável pelo atropelamento, impetrou nesta quinta, 10/3, um pedido de habeas corpus justificando que seu cliente encontrava-se “estressado”. Esperamos que a justiça do RS não acate tal pedido absurdo. Imagine se todos os “estressados” receberem essa autorização para sairem por aí atropelando pessoas…

Momento Zen

fevereiro 27, 2011 Deixe um comentário

Em alguns momentos é necessário esquecer a carência de humanidade tão em voga na nossa espécie. Nesses momentos é sempre legal ver/rever esse vídeo que recebi por e-mail de um amigo:

Sobre idéias e ideais…

Para rever sempre…

“Greetings from Fairbanks!
Arrived here two days ago.
Might be a very long time before I return south.
I now walk into the wild”*

Baseado no best seller de Jon Krakauer, Into The Wild (Na Natureza Selvagem) conta a história verídica de Christopher Johnson McCandless (12/02/1968 – 18/08/1992) , um jovem que, aos 22 anos de idade, decide largar tudo e partir em busca de aventura. Com roteiro adaptado e direção de Sean Penn, o filme ganhou o merecido Globo de Ouro na categoria de Melhor Canção por “Guaranteed” – letra e música de Eddie Vedder.
Cansado do moralismo hipócrita da sociedade e dos conflitos familiares, Christopher, interpretado por Emile Hirsch (Alpha Dog, Um Show de Vizinha), doa todas as suas economias para a caridade, deixa para trás a família e um futuro promissor e inicia sua viagem pelo país usando o nome de “Alexander Supertramp”.
Influenciado pelos textos de Leo Tolstoy, Henry David Thoreau, entre outros, ele ruma ao Alasca, onde viveria sem qualquer contato com a civilização, dependendo única e exclusivamente de seus próprios esforços e do abrigo de um ônibus abandonado para sobreviver.
Durante a jornada, “Supertramp”, que alterna momentos de completo isolamento e outros de sociabilidade [talvez para não perder o hábito], faz amizade com uma série de personagens interessantes, que vêem suas vidas mudadas pelo passante.
Temas como a liberdade não são tratados pelas falas dos personagens tanto quanto pela seqüência de cenários, que deixam o espectador submerso. As montanhas infinitas de gelo são filmadas de tal maneira, contrastando com os braços abertos de Hirsch, que o inóspito Alasca chega a parecer um lugar aconchegante!
O elenco conta também com a participação de Vince Vaughn (Separados Pelo Casamento; Impulsividade), Catherine Keener (Quero Ser John Malkovich; A Intérprete) e Marcia Gay Harder (Pollock; Sobre Meninos e Lobos).
Enfim, vale a pena rever.

*Saudações de Fairbanks!
Cheguei há dois dias.
Pode levar um bom tempo até que eu volte para o sul.
Agora eu caminho na natureza.

Fonte e imagem adaptados de meltalk/wordpress

1º Festival Internacional de Filme sobre Energia Nuclear

O 1º Festival Internacional de Filme sobre Energia Nuclear vai acontecer em Maio 2011 no Rio de Janeiro e em Junho 2011 em São Paulo.

O Festival pretende informar a sociedade e estimular produções independentes audiovisuais sobre energia nuclear e todo o ciclo nuclear, os riscos da radioatividade e especialmente sobre exploração, mineração e o processamento de Urânio. Toda sociedade, todo povo tem o direito de escolha. Mas para decidir é necessário informação. Acreditamos que informação independente é essencial para o cidadania global. Informação independente é o básico para decisões independentes.

As inscrições acontecem de 6 de outubro de 2010 até 20 de janeiro de 2011.

Maiores informações no sítio do Festival em http://www.uraniumfilmfestival.org/html/portugues.html

Fonte: EcoDebate