Archive

Archive for maio \25\UTC 2013

Pão vegano com farinha de ervilha

Pao com Farinha de Ervilha sem Gluten

 Paozinho muito rapido e facil de fazer!
Em mais ou menos 20 minutos voce tem esta delicia para saborear com um creminho vegano ou mesmo para fazer um sanduiche com legumes para um lanchinho!

INGREDIENTES

– 1 1/2 xicara de farinha de ervilhas secas. (Caso voce nao tenha a farinha pode comprar as ervilhas secas e liquidificar ou processar ate ficar uma farinha.)
– 1 xicara de farinha de tapioca, ou polvilho azedo ou farinha de arroz ou farinha de grao de bico(use a farinha sem gluten que tiver em casa)
– 1 colher de sopa de oleo vegetal
– 1 colher de sopa de molho shoyo (opcional)
– 1 colher de sopa de Nutritional Yeast (opcional)
– 2 colheres de cha de fermento em po
– sal a gosto
– agua o suficiente

PREPARO

Misture os ingredientes secos e adicione a agua a temperatura ambiente mexendo bem. Coloque entao o oleo e o shoyo.
O ponto da massa e como mostra a foto abaixo. E uma massa firme que pode ser modelada sem grudar nas maos. Caso seja necessario molhe um pouco as maos para poder formar as bolinhas.

Molde os paezinhos, coloque em assadeira untada e leve a assar em forno pre-aquecido a 180C por uns 10 minutos.

A foto abaixo mostra como eles vao estar depois de 10 minutos no forno. E bem assim mesmo, eles se abrem quando a massa cresce.
Este e o charme destes paezinhos!

Depois disto retire do forno e pincele um pouco de oleo, salpique oregano e pimenta preta moida na hora.

Devolva ao forno e deixe por mais uns 10 minutos conforme a foto abaixo mostra.

Pronto, e so servir os deliciosos paezinhos!
Voce pode comer quentinho assim como e que ja e delicioso que chega. Pode tambem abrir e colocar tomate, alface e um queijinho ou ricota vegana.
Tambem pode servir com um creme vegetal vegano de sua preferencia.

fonte: blog veganana

Queijo vegano

Queijo “Parmesao” com Castanha de Caju

 
Esta receita e simplesmente o maximo!
Incrivel como e simples e deliciosa!
Um verdadeiro “curinga” da culinaria vegana que pode ser usado como perfeito substituto do queijo “normal” em receitas gratinadas, assadas em risotos e ate mesmo em saladas, pastinhas…. 

Fica a dica para quem quizer uma alternativa saborosa e totalmente livre de colesterol.

INGREDIENTES:

– 1 xicara de castanhas de caju cruas
– 2 dentes de alho
– sal a gosto

Coloque tudo no processador e bata ate ficar com aparencia de ralado. Simples assim! Rende muito! Coloque em um vidro tampado e conserve na geladeira. 

fonte: blog veganana

Bolo de banana vegano

maio 25, 2013 1 comentário

Bolo de Banana

Esta receita e simples e muito deliciosa! Rapida de fazer e com certeza vai agradar muito! Adorei e estou repassando para voces. 

INGREDIENTES:

– 5 bananas cortadas
– 2  1/2xícaras de farinha de trigo

– 1/2 xicara de semente de linhaca moida
– 2 xícaras de açúcar cristal
– 2 colheres de óleo ou margarina vegetal
– 2 xícaras de água (temperatura ambiente)
– 1 colher de sopa de fermento em pó
– açúcar para forrar a assadeira

PREPARO:

Forre um refratario redondo com uma camada fina de acucar cristal misturado com um pouco de canela. De preferencia use o acucar  bem escuro. (evite refinados por favor!)  Corte as  bananas em rodelas e coloque sobre o acucar cobrindo todo o fundo da forma.

Em uma tijela coloque duas colheres de creme vegetal  e misture com meia xicara de acucar. Adicione a farinha de trigo e a semente de linhaca e va colocando a agua aos poucos ate formar uma massa lisa. Por ultimo adicione o fermento mexendo delicadamente.

Coloque a massa sobre as bananas e leve ao forno medio para assar ate dourar. Deixe esfriar um pouco e vire em um prato.

fonte: blog veganana

Bolo vegano de frutas

Bolo Integral de Frutas

INGREDIENTES

– 1 xicara de farinha integral
– 1 xicara de farinha branca comum
– 1/2 xicara de aveia em flocos
– 1 xicara de acucar granulado
– 3 colheres de sopa de sementes de linhaca moida
– 6 colheres de sopa de agua
– 1 colher de cha de canela em po
– 1 colher de sopa de fermento em po
– 1 colher de cafezinho de bicarbonato de sodio
– 1 banana grande cortada em cubinhos
– 1 pera de tamanho medio descascada e cortada em cubinhos
– 1/2 xicara de passas de uva preta
– 3 colheres de sopa de nozes picadas
– 1 pitada de sal
– 1/2 xicara de oleo vegetal
– 1/2 xicara de agua

PREPARO

Comece preparando a semente de linhaca. Em uma tijela pequena coloque as 3 colheres de sopa de semente de linhaca moida e acrescente as 6 colheres de sopa de agua. Misture bem e deixe repousar.
Em uma bacia grande misture as farinhas, a aveia e o acucar. Acrescente o bicarbonato,o sal, a canela e o fermento em po. Coloque entao a mistura da semente de linhaca com agua e mexa bem. Alterne a agua com o azeite e continue mexendo ate conseguir uma massa bem homogenea. Nao e necessario bater, apenas agregue bem os ingredientes. Voce vai perceber que a massa vai ficando leve a medida que acrescenta os liquidos.
Entao acrescente as frutas misturando delicadamente e por ultimo acrescente as passas de uva e as nozes. Voce vai observar que a massa nao e mole. E mais consistente. Este e o ponto ideal.

Unte uma forma com furo no meio tipo de pudim. Espalhe a massa e leve para assar em forno pre-aquecido por uns 40 minutos ou ate que esteja dourada. Espere esfriar para desenformar.
Depois de frio cubra com o glace de limao.

GLACE DE LIMAO

– 1/2 xicara de acucar de confeiteiro *
– 1 colher de sopa de caldo de limao

Misture os dois ingredientes batendo um pouco ate conseguir uma consistencia mais firme. Se achar que ficou muito duro coloque um pouco mais do caldo de limao e caso a consistencia nao for suficientemente firme coloque mais acucar.
Aplique sobre o bolo e deixe escorrer nas laterais.
Esta cobertura fica bem firme depois de secar. O gosto azedinho desta cobertura de limao contrastando com o bolo fica sensacional!
Experimente!

Caso desejar pode acrescentar gotinhas de essencia na cobertura o que da um toque especial.


*OBS: Eu nao uso nenhum produto refinado, muito menos acucar. Para esta receita eu fui obrigada a usar a imaginacao e “inventar” um acucar em casa. Simplesmente peguei o acucar granulado grosso que uso para as minhas receitas e bati no liquidificador em potencia maxima ate virar um “falso acucar de confeiteiro”. Ficou sensacional! Agora talvez ate me anime a tentar fazer um pao de lo vegano com este acucar super “refinado” feito em casa! Fica a dica!

fonte: blog veganana

Dica de maionese vegana

Maionese de Castanhas de Caju


Rapida e facil de fazer e resulta em sabor super especial para ser usada em saladas, sanduiches, pastinhas….
Ao contrario das outras maioneses que sao preparadas com muito azeite, esta e muito light devido a pequena quantidade utilizada. Aprovadissima por quem ja experimentou!

INGREDIENTES:

– 1/2 xicara de castanhas de caju de molho por uns 30 minutos em agua filtrada
– agua filtrada o suficiente para bater ate obter um creme
– 3 colheres de sopa de azeite de oliva
– caldo de limao a gosto
– sal a gosto
– 1 dente de alho pequeno

PREPARO:

Escorra bem a agua das castanhas e leve ao liquidificador junto com o dente de alho. Coloque um pouco de agua filtrada o suficiente para poder bater. Eu sugiro que va colocando a agua aos poucos e batendo sempre para nao correr o risco de colocar mais agua do que o necessario. Acrescente o azeite aos poucos batendo sempre. 
Adicione o caldo de limao e o sal.  

 

Caso queira acrescentar mais algum tempero de sua preferencia fique a vontade. Eu sugiro fazer um creme de maionese mais basico e depois usar para fazer pastinhas acrescentando azeitonas, alho, cebolinha, ervas, pimentoes…..etc, etc…. use a imaginacao e crie a vontade.
Guarde em vidro tampado na geladeira. Pode ser usada por mais ou menos uns 5 dias.

fonte: blog veganana

GPS no guidão usa LEDs para indicar o caminho ao ciclista

A Helios Bars funciona conectado ao smartphone e acende luzes LED indicando para onde o ciclista deve virar

divulgação

As luzes LED do guidão piscam e ainda trocam de cores conforme aumenta a velocidade da bicicleta.

A empresa Helios pensou em uma maneira de tornar a bicicleta mais “inteligente” acoplando uma ferramenta GPS à magrela. Trata-se, na verdade de  um guidão com luzes LED que piscam indicando a direção a ser tomada: direita ou esquerda.

O sistema, chamado Helios Bars, funciona conectado com um smartphone via Bluetooth. O ciclista precisa ter um iPhone para baixar o aplicativo. Uma vez baixado, é só colocar o destino  e o app calcula a rota, acionando as luzes conforme as curvas vão aparecendo.

Além de indicarem o caminho, as luzes mudam de cor de acordo com a velocidade da bike. Elas ficam vermelhas quando o ciclista está parado, amarelas quando começa a pedalar e verdes quando ganha velocidade, mas o usuário pode mudar as cores.

A peça, que está para ser lançada, custará US$199 (cerca de R$400).

 

LEIA TAMBÉM

Você conhece os direitos e deveres dos ciclistas? Leia a cartilha da OAB-SP e informe-se.

 

fonte: catracalivre

Google adquire a Makani – start-up voltada para produção de energia eólica

A Google acaba de comprar a Makani Power, start-up voltada para produção de energia eólica a partir de turbinas voadoras. A Makani agora faz parte do Google X laboratório de tecnologias avançadas da companhia.
A Makani, empresa com sede na Califórnia, vinha desenvolvendo turbinas eólicas no ar com o apoio do Google e do Departamento de Energia dos EUA. De acordo com alguns especialistas na área,ela é atualmente a líder mundial no desenvolvimento de sistemas de extração de energia eólica no ar .
images
  A Makani trabalha com turbinas voadoras que, quando atingidas pelo vento, conseguem alçar voos de 250 a 600 metros. A companhia garante que esse método é mais eficiente e consome menos materiais do que as tradicionais turbinas fixas no chão.
Através de seu site, a Makani divulgou um comunicado afirmando que a aquisição dará à companhia “os recursos necessários para acelerar nosso objetivo de tornar o custo da energia eólica competitivo em relação ao dos combustíveis fósseis.”
O laboratório Google X, que a Makani fará parte, ainda é um projeto misterioso. Mas sabe-se que lá foram desenvolvidos o Google Glass e onde estão sendo projetados carros que dirigem sozinhos.