Início > ÉTICA, SOCIEDADE > Ética do caráter e ética da personalidade – Qual delas vc pratica?

Ética do caráter e ética da personalidade – Qual delas vc pratica?


Há ética quando vc toma decisões levando em consideração apenas os seus valores?

Conforme Franklin Covey (Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes), existem dois tipos de ética: a ética da personalidade e a ética do caráter.

A ética da personalidade todo mundo tem. É quando você toma decisões em relação aos seus valores. Também nos presídios vemos essa ética. Já ouviu falar de um bandido que mata o outro por causa de um estupro? Normalmente o estuprador é morto dentro da cadeia pelos próprios presos. É uma ética, mas é o “sujo falando do mal lavado”. As vezes, o criminoso mata uma pessoa pra não ser reconhecido após o roubo. O outro matou e estuprou. Então, o que “só” matou, de acordo com seus valores, acha que o seu crime é menos grave que o do outro. Aí vai e mata o estuprador. Isso é real e ocorre nos presídios. É a ética da personalidade.

Essa é uma ética praticada todos os dias. Quantas vezes julgamos a mesma situação de maneiras diferentes, dependendo de quem a praticou? Se foi o vizinho, vemos de um jeito; se foi nosso filho, de outro; se fomos nós, de outro ainda. Fulano, ao deixar a prefeitura para assumir um cargo maior, praticou a ética da personalidade, pois havia prometido durante a eleição municipal que não deixaria a prefeitura. Aí entra o o discurso de que “estava tomando aquela atitude em benefício do país”. A ética da personalidade permite que se dê desculpas para se tomar algumas atitudes que quebram acordos. Porém, quebrar pequenos acordos é o início para que se comece a quebrar grandes. Como diz o ditado, “trair e coçar é só começar”. A ética da personalidade atua de acordo com a situação, com “cor da camisa”.

Já a ética do caráter se dá quando tomamos as nossas decisões em relação aos princípios, as verdades da vida e não em relação aos valores, que são mutáveis de acordo com o tempo ou com quem o pratica. Não matar é um princípio, então não cabe matar alguém só porque esse alguém matou o outro (tem um ditado que diz: se continuarmos com a regra do olho por olho, dente por dente, ficaremos todos cegos e banguelas). Viver a ética do caráter é cumprir o que prometeu, apesar da circunstância ou da vantagem que você iria levar se descumprisse o acordo. Viver a ética do caráter é viver a regra de ouro: faça ao outro o que o você gostaria que fosse feito a você.

A ética, batizada por Covey como “da personalidade” valoriza o status social, o “vencer na vida”, o “ficar rico” e a “do caráter” enfatiza valores mais autênticos e permanentes, tais como: integridade, humildade, fidelidade, persistência, coragem, justiça, paciência, diligência, modestia e, a regra de ouro, “não fazer aos outros o que não quiser que os outros lhe façam”. Essas duas éticas sempre se confrontaram ao longo da história. Só que, nesse século, parece ter havido uma predominância esmagadora da primeira sobre a segunda. O entrechoque dessas duas éticas pervaga toda a nossa vida familiar, profissional, política e religiosa. E, como não poderia deixar de ser, afeta também empreendimentos e organizações. No dizer de Peter Drucker, “o caráter e a integridade, por si só, nada realizam. Mas sua ausência aniquila tudo o mais”.

Fernando Guedes de Mello, no artigo Ética, Cultura e Organização diz que “a humanidade dispõe hoje de toda a tecnologia necessária para a erradicação da fome e da miséria e para a despoluição completa do planeta, num horizonte de poucos anos. Os vultuosos recursos para tal poderiam ser facilmente obtidos com a redução drástica de gastos com armamento em todo o mundo, que excedem em muitas vezes o orçamento para aquelas tarefas de salvação da humanidade. Basta vontade política para fazê-lo.” Mas para criar tais condições políticas temos de trabalhar as consciências, já que a nossa maneira de ver condiciona a nossa maneira de ser.

Fonte: expressões humanas

Anúncios
Categorias:ÉTICA, SOCIEDADE
  1. abril 8, 2011 às 1:46 pm

    muito bom gostei!

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: